sábado, 14 de agosto de 2010

A espera...


"... a espera.. a esperança...

o desejo que fica contido...

o corpo que fica sem libido.. 

extremidades que tremem.. 

vibram.. chamam....


Onde está você?

Que não aqui do meu lado

que não aqui na minha cama...

Onde está você?

Que me deixa só... 

querendo-te.. chamando-te... "


M.



Um comentário:

  1. Paixão que escorre e penetra nos poros...assim é a sua poesia... Bjs.

    ResponderExcluir

Que minha simplicidade, deixe o rastro da luxúria de minha alma.O mais,é nada.

(Deixe o teu rastro aqui, que seja luxurioso)

Obrigada pela doce visita.

Masked